Sábado, 23 de Maio de 2009

Há Amores Assim...

 

 

 

Há amores assim
Que nunca têm início
Muito menos têm fim
Na esquina de uma rua
Ou num banco de jardim
Quando menos esperamos
Há amores assim
 

(.....)

Não vou medir
Nem julgar
Eu quero arriscar
Tenho encontro marcado
Sem tempo nem lugar
(....)

Sem lágrima caída
Sou dona da minha vida
Sem nada mais nada
De bem com a vida

 

publicado por clueless às 21:20

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 20 de Maio de 2009

De vez em quando.....

 

Principalmente quando se trata de casais muito estranhos. Quando são ambos muito feios. Ou quando um é muito alto e o outro muito baixo. Ou quando ambos são muito gordos. Ou quando são magricelas. Ou quando um é muito gordo e o outro magricelas. Ou quando têm um aspecto muito sujo (fico a pensar como suportarão eles os cheiros um do outro). Ou quando são do mesmo sexo. ...

tags:
publicado por clueless às 22:45

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 15 de Maio de 2009

Mulheres e Futebol

[mulheres e futebol.gif]

publicado por clueless às 18:29

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 10 de Maio de 2009

(Má) Ideia!!

 

 

 

"Triste não é mudar de ideias. Triste é não ter ideias para mudar!" (Francis Bacon)

tags:
publicado por clueless às 20:56

link do post | comentar | favorito
|

??????????????????????

 

 

 

 

 

 

 

To be, or not to be — that is the question:

Whether 'tis nobler in the mind to suffer

The slings and arrows of outrageous fortune

Or to take arms against a sea of troubles,

And by opposing end them. To die — to sleep —

No more; and by a sleep to say we end

The heartache, and the thousand natural shocks

That flesh is heir to. 'Tis a consummation

Devoutly to be wish'd. To die — to sleep.

To sleep — perchance to dream: ay, there's the rub!

For in that sleep of death what dreams may come

When we have shuffled off this mortal coil,

Must give us pause. There's the respect

That makes calamity of so long life.

For who would bear the whips and scorns of time,

Th' oppressor's wrong, the proud man's contumely,

The pangs of despis'd love, the law's delay,

The insolence of office, and the spurns

That patient merit of th' unworthy takes,

When he himself might his quietus make

With a bare bodkin? Who would these fardels bear,

To grunt and sweat under a weary life,

But that the dread of something after death —

The undiscover'd country, from whose bourn

No traveller returns — puzzles the will,

And makes us rather bear those ills we have

Than fly to others that we know not of?

Thus conscience does make cowards of us all,

And thus the native hue of resolution

Is sicklied o'er with the pale cast of thought,

And enterprises of great pith and moment

With this regard their currents turn awry

And lose the name of action....

 

 

«Ser ou não ser, eis a questão! O que será mais nobre para o espírito humano: sofrer os ataques e as flechadas da fortuna adversa, ou pegar em armas contra um mar de dores e, enfrentando-as, pôr-lhes termo? Morrer... dormir; mais nada! E dizer que se acaba com as penas do coração e mil choques de que é herdeira a carne! Eis um fim a desejar ardentemente. Morrer... dormir! Dormir... Sonhar talvez! Aí é que está o problema! Porque há que pensar nos sonhos que virão nesse sono da morte, quando nos libertarmos desta mortal crisálida! É este raciocínio que nos leva à desgraça de uma vida tão longa! Pois quem suportaria as chicotadas e o desprezo do mundo, a injúria do opressor, a afronta do soberbo, as ferroadas do amor incompreendido, as delongas da justiça, a insolência dos funcionários e o coice que o mérito paciente recebe dos indignos, quando se podia buscar repouso com a ponta de um punhal? Quem aguentaria tão pesado fardo, gemendo e suando, sob o peso de uma vida tão trabalhosa, se não fosse o pavor do que existe para lá da morte — essa região desconhecida cujas fronteiras nenhum viajante volta a atravessar —, temor que embaraça a vontade e nos obriga a suportar os males que conhecemos, em vez de corrermos para outros de que não sabemos nada? Assim a consciência faz cobardes de nós todos, e assim o primeiro impulso da reolução esfuma-se no pensamento, e as tentativas de força e energia, perante este raciocínio, mudam o seu curso e perdem o nome de acção...» (tradução de Ricardo Alberty).

l

sinto-me:
publicado por clueless às 20:46

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 8 de Maio de 2009

Só Porque hoje é Sexta Feira!!!

(Hugh Jackman)

 

 

Só porque hoje é Sexta Feira e o tempo pregou-nos uma partida!!

publicado por clueless às 19:44

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Maio de 2009

Fula!!!!!

 

 

 

 

Se nunca viram alguém que está tão fula mas tão fula que só lhe apetece atropelar, bater e comer todos os que lhe aparecem a frente, passem cá por casa, pois é assim que me sinto.....

Para quando um pouco de paz?!!!!!!!

sinto-me: Zangada
publicado por clueless às 23:06

link do post | comentar | favorito
|

.Eu

.Me

Meez 3D avatar avatars games

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Felicidade

. The Simpsons..

. Maios uma Vez a Crise

. Sou só eu ou é apenas imp...

. Coisas.....

. Já passou um ano?

. Update

. Scott

. update

. Com a Casa as Costas.

. Afinal Já é Sexta..!!

. Patrick Swayze!!

. Quem é Quem

. A mente

. Cadê o Verão?

. Homens Versus Mulheres......

. Para Desanuviar

. O ultimo verão deste ano

. Sexta Feira...

. O Futuro é das Crianças.....

. Segunda-feira !!!!!

. Ela so Quer só pensa em N...

. Isto Está impossivel

. Sexta Feira........

. Raios de Sol

. Gosto de.......

. Um Espirito Maior

. Cansaço

. Vicio

. Cobardia

. Michael Jackson

. Cores

. Irão????

. Os Buzios

. ...

. Português

. Palavras

. Há Amores Assim...

. De vez em quando.....

. Mulheres e Futebol

. (Má) Ideia!!

. ??????????????????????

. Só Porque hoje é Sexta Fe...

. Fula!!!!!

. Passo a Passo

. Marley & Me

. Saudades

. Que Saudades...

. .......

. Mas Que Raio!!!

.arquivos

. Junho 2013

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.pesquisar

 

.Music


MusicPlaylist
MySpace Music Playlist at MixPod.com

.Disclaimer

Todas as fotografias aqui publicadas, salvo alguma referência em particular, são retiradas da internet. Agradeço que me informem, via e-mail, caso alguma esteja protegida pelos direitos de copyright. Retirá-la-ei de imediato. Almost all pictures posted here are taken from the internet. If you have copyright over any of them, send me an e-mail and I will take it out.
blogs SAPO

.subscrever feeds